Compras

#38 Fazendo compras em Milão – Milão, Itália

A Via Torino reúne vários tipos de lojas

A Via Torino reúne vários tipos de lojas

Fica difícil visitar uma das capitais da moda do mundo e não fazer umas comprinhas. Melhor ainda se estiverem com descontos. Começaram agora no início de julho as liquidações de verão em Milão e elas se estendem até o final deste mês e, em algumas lojas, chegam até agosto.

Eu adoro a Via Torino por dois motivos: tá bem no centro e pertinho do Duomo e tem uma grande variedade de lojas. Lá dá para encontrar H&M, que é sempre bem baratinha e vende roupas, calçados e acessórios, Bershka, que tem uma moda jovem com preços acessíveis, Pull&Bear, que segue mais ou menos a linha da Bershka, tem a Promod, que tem roupas mais “sérias”, tem Zara e muitas outras. Lá foi aberta recentemente uma grande loja da Alcott, que possui sempre preços baixos e tem boas promoções. No final deste mês também será inaugurada uma loja da Victoria’s Secret, que até agora só podia ser encontrada na Itália em aeroportos. O Corso Vercelli também receberá uma loja.

Milão receberá no final de julho as duas primeiras lojas de rua da Victoria's Secret na Itália

Milão receberá no final de julho as duas primeiras lojas de rua da Victoria’s Secret na Itália

Quem estiver procurando cosméticos pode encontrar na Kiko, que tem preços em conta e ótimas promoções, na Lush, que vende xampus, condicionadores, cremes e outros cosméticos feitos à mão, mas que não tem super promoções. Também há outras lojas, inclusive uma MAC, mas que nunca vi em promoção, hunf.

Quem estiver procurando eletrônicos pode encontrar na Trony, uma mega store localizada onde costumava ter uma Fnac. Parece que as Fnac não deram muito certo na Itália. Lá segue a pegada da loja antecessora: vende CDs, filmes, livros, além de eletrônicos e também eletrodomésticos.

Lá também tem vários lugarzinhos para comer, como a loja Amsterdam Chips, especializada em batatas fritas, uma loja da Magnum onde você monta seu próprio sorvete e uma filial da sorveteria Cioccolat Italiani, que vende bons sorvetes, mas com o preço um pouquinho acima da média. Lá também dá pra fazer um brunch ou comprar alguns docinhos e cafés diferentes.

Sorvetes montados na loja da Magnum da Via Torino

Sorvetes montados na loja da Magnum da Via Torino

Terminada a Via Torino é só seguir para a Via Vittorio Emmanuele II. A rua fica localizada ao lado do Duomo e também tem um monte de lojas variadas. Já no começo está localizada a Galleria Rinascente. Como várias galerias europeias, lá tem um grande número de marcas de luxo, mas também dá para encontrar coisas com preços acessíveis. Além de roupas há cosméticos, perfumes, artigos para casa, pequenos eletrodomésticos, lingeries, calçados e no último andar tem também um supermercado e alguns restaurantes. O supermercado vende uma série de coisas caras, mas sempre dá para encontrar alguma coisinha mais barata.

Continuando na Via Vittorio Emanuele II dá para encontrar lojas como a H&M (há duas), Zara, Kiko, Intimissimi, especializada em roupas íntimas, Carpisa, que vende malas e bolsas e costuma fazer boas promoções, Mango, que também tem boas promoções, Foot Locker, que vende tênis e artigos esportivos, Sephora, especializada em cosméticos e perfumes, além de uma loja oficial da Disney e uma mega store do Milan. Com preços mais altos há Furla, Michel Kors, Max & Co, entre outras.

Outro lugar bom para fazer compras é o Corso Buenos Aires. Dá para chegar nesta avenida de metrô descendo nas estações Porta Venezia, Lima ou Loreto. Lá tem todas essas lojas que podem ser encontradas nas outras ruas que mencionei, como a Zara, a H&M, a Benetton, a Sephora, a Kiko, além de muitas outras opções.

Quem está em busca de lojas de luxo pode encontra-las na Galleria Rinascente, na Galleria Vittorio Emanuele II, que está localizada ao lado do Duomo e é lindíssima, e na Via Montenapoleone, a Oscar Freire de Milão. Lá tem todas as marcas de luxo que você imaginar e lá por perto, na Via Manzoni, há um quarteirão todo ocupado pela Armani. Lá fica a loja da Armani que não vende apenas roupas, mas também acessórios, artigos para a casa, gadgets e outros. Ali também está localizado o hotel da Armani, o restaurante, o café e a balada da Armani, a Armani Privê. Ryqueza.

Complexo da Armani na Via Manzoni

Complexo da Armani na Via Manzoni

Já as liquidações de inverno em Milão começam geralmente na primeira semana de janeiro e se estendem até começo de fevereiro. Confesso que acho essa temporada melhor para encontrar bons descontos e sempre consegui comprar coisas mais baratas do que no verão. Mas é aquela coisa: tem que procurar, pois sempre dá para encontrar algo!

Onde: Liquidações em Milão, Itália
Quando: Julho e agosto (liquidações de verão) e janeiro e fevereiro (liquidações de inverno)

Anúncios

#37 Fazendo compras em Turim – Turim, Itália

Na Galleria 8 dá para encontrar muitas lojas e promoções

Na Galleria 8 dá para encontrar muitas lojas e promoções

As liquidações na Itália geralmente começam na primeira semana de janeiro e terminam na primeira semana de fevereiro no inverno. Já no verão, na primeira semana de julho e se arrastam pelo mês de agosto de acordo com a loja. Sinceramente não há super descontos, mas sempre dá para encontrar alguma coisinha barata.

Reza a lenda que os melhores achados vão embora no primeiro fim de semana da liquidação. Mas quem aproveita os saldos no final, apesar de encontrar menos variedade, pega os maiores descontos.

Em Turim a Via Garibaldi reúne uma grande variedade de lojas. Dá para comprar um mundo de coisas fofas para casa, escritório, etc, na Tiger. Os preços na loja dinamarquesa são sempre baixos, mas, pelo o que eu percebi, eles não fazem liquidação. Para quem busca cosméticos e perfumes dá para encontrar na Sephora, na L’Occitanne, na Bottega Verde, na Kiko, entre outras. Há também várias opções para quem busca roupas e calçados, além de livrarias e coisinhas para comer, como as batatas Amsterdam. Eu experimentei e achei as da filial de Milão muito melhores.

Na loja Tiger dá para encontrar coisas bem bonitinhas :)

Na loja Tiger dá para encontrar coisas bem bonitinhas 🙂

Outro local que concentra um grande número de lojas é a Via Roma. Ali é ideal não só para quem procura preços baixos, mas também para clientes de marcas como Louis Vuitton, Gucci e Michael Kors. Mas como aqui no blog priorizamos coisas baratas, na Via Roma há várias lojas de roupas como a H&M, a Zara, a Promod, Benetton, entre muitas outras.

Quem está querendo comprar eletrônicos pode ir à galeria Rinascente, que fica pertinho da Via Roma. A galeria em si vende roupas, acessórios, objetos para casa, mas com preços não tão em conta. No seu subsolo está localizada a Troni, que vende eletrônicos, filmes e eletrodomésticos. Na mesma rua, a Giuseppe Luigi Lagrande, também dá para encontrar inúmeras lojas, a maioria mais caras, e também uma filialzinha do Eataly.

A Galleria 8 é um shopping que está localizado em frente à sede do Eataly, na Via Nizza. Fica um pouquinho mais afastado do centro, mas está ao lado do metrô Lingotto. Lá há lojas como a Zara, livraria, a Media World, que é especializada em eletrônicos, entre outros. Também há um cinema UCI, mas os filmes na Itália são todos dublados.

A Pinacoteca Giovanni e Marella Agnelli também está localizada no centro comercial. Eu visitei a pinacoteca e apesar de ter no acervo algumas obras bonitas, incluindo dois Picasso, o local é minúsculo e acho que não vale muito os 8 euros de ingresso.

Onde: Turim, Itália
Quando: Há liquidações em janeiro e julho