Punta Arenas

#188 Saiba como economizar em passagens aéreas de acordo com o site Voopter

O Voopter é um comparador de preços de passagens aéreas e fez um levantamento sobre as tendências de viagem em 2016. Os resultados foram baseados no banco de dados do site.

Em 2015, os meses que mais tiveram promoções de passagens aéreas foram março, maio e setembro e isso deve se repetir em 2016. Voos nacionais de ida e volta saíam a partir de R$ 62, enquanto hoje o preço mais barato é R$ 116. Já para os destinos internacionais, o melhor mês foi maio, com vários voos por menos de R$ 1.000. Para este ano, a dica é ficar de olho nos feriados prolongados de março, abril e maio, que já são considerados meses de baixa temporada, ou seja, com mais chances de ter tarifas em conta.

Outra dica é ficar ligado nas promoções relâmpago feitas pelas companhias aéreas nacionais. A maioria é realizada a cada 15 dias e durante os fins de semana (das 18h de sexta-feira até às 8h da segunda), mas geralmente são para capitais com muitos voos disponíveis, como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Curitiba. Ainda assim valem a pena: há diversas passagens de ida e volta por menos de R$ 200.

rio-de-janeiro-809756_1920 (1)

As companhias aéreas costumam fazer promoções relâmpago para grandes capitais como Rio de Janeiro

Enquanto o dólar subia, muitos turistas passaram a buscar os países latino-americanos. Segundo o Voopter, a preferência pela Argentina diminuiu e tanto o Chile quanto o Uruguai começaram a chamar mais a atenção. A recuperação do peso argentino frente ao Real e o fato de Buenos Aires já ser bastante conhecida pelos brasileiros são alguns dos fatores que levaram a essa mudança. Para se ter uma ideia, em 2015 Montevidéu foi o destino sul-americano com a tarifa mais barata, a partir de R$ 281 (ida e volta, sem as taxas). O Peru também ganhou mais atenção dos usuários no ano passado, com passagens promocionais de ida e volta por menos de R$ 800, e a tendência é continuar se destacando em 2016.

volcano-657895_1920

Vulcão Villarrica, no Chile

Quem procura sossego em uma praia paradisíaca deve ficar atento às promoções para Aruba, Curaçao, Panamá e outros destinos do Caribe. De acordo com o levantamento do Voopter, devem ser realizadas várias promoções com preços menores do que R$ 1.000. Hoje já é possível encontrar passagens a partir de R$ 613 ida e volta, sem as taxas. Tarifas para Cartagena e San Andrés, na Colômbia, também devem cair e podem chegar a menos de R$ 700 este ano.

lagoon-911963_1920

Curaçao, no Caribe

Além dos queridinhos entre os brasileiros, destinos da Ásia e do Canadá prometem figurar na lista de destaques para 2016. Por conta da notícia da mudança do visto canadense, que a partir de março facilitará muito a entrada de turistas no país, e a queda no preço médio das passagens (30% em 2015), a tendência é que o número de viagens ao país aumente. O mesmo deve ocorrer para destinos asiáticos. Com a chegada de companhias aéreas árabes (como Emirates, Qatar e Etihad) ao Brasil, a oferta de voos aumentou bastante, além de ter proporcionado preços mais competitivos e menos tempo de viagem. Em 2015 foram feitas três grandes promoções para a China e o Japão, com tarifas de ida e volta por menos de R$ 2.500.

quebec-1001798_1920

O Canadá poderá ser mais procurado pelos brasileiros em 2016. Na foto, o Castelo de Fronsac, em Quebec

Neste início de 2016, algumas promoções já estão disponíveis: passagens de ida e volta para Miami podem ser encontradas a partir de R$ 895 segundo os dados do Voopter, a previsão é de que a partir de março destinos como Nova York, Las Vegas e Los Angeles também apresentem queda nos preços.

Se pretende ir a algum desses lugares, procure dicas aqui no site. Há, por exemplo, avaliação de hotel em Lima (Peru), em Punta Arenas (Chile), hotéis e restaurantes em São Paulo, entre outros.

Onde: Saiba como economizar em passagens aéreas de acordo com o site Voopter

Quando: Ano de 2016

Anúncios

#41 Chalet Las Violetas – Punta Arenas, Chile

Chalet las violetas_punta arenas

Fachada do Chalet Las Violetas

O Chalet Las Violetas está localizado na cidade de Punta Arenas, na Patagônia chilena. Apesar do nome não é um chalé, mas sim um sobrado espaçoso com uma fachada estranha.

O quarto individual era bem pequeno e tinha uma televisão, uma cama de viúva (nem de solteiro e nem de casal) e banheiro privativo. O banheiro era bem bonitinho e o chuveiro era bom.

Um dos problemas do hotel era a acústica. Dava para ouvir as pessoas conversando, televisão alta, tábuas rangendo. Minha mãe esteve hospedada em um quarto embaixo da escada e o barulho não cessava, a coitada nem conseguiu dormir direito.

Apesar de ter sido anunciado que o café da manhã estava incluso na tarifa de R$100, minha mãe teve uma surpresa. Uma funcionária a direcionou para a sala onde era feito o desayuno e ela ficou em choque: havia apenas água quente e café solúvel. Isso mesmo, o café da manhã era somente água quente e café solúvel, nada para comer. Confusa, ela perguntou se havia leite e a funcionária “fez a egípcia” e deu o equivalente a um copinho de café.

A única coisa boa era a localização. O hotel estava a duas quadras de distância da Central de Pasajeros, espécie de rodoviária de Punta Arenas, e dava para ir caminhando até lá.

Pela qualidade do hotel, o valor da diária nem é tão barato assim. Se sua intenção for economizar (pouco) e não fizer questão de tomar café da manhã, talvez valha a pena arriscar. Principalmente se for ficar hospedado apenas uma noite.

Para mais informações acesse o site www.chaletlasvioletas.com.

Onde: Chalet Las Violetas, Punta Arenas, Chile
Quanto custa: As diárias variam entre R$100 (19.500 pesos) quarto single em baixa estação e R$270 (53.000 pesos) quarto quadruplo.