Aluguel de Bicicleta

#833 Centro de Visitantes Paineiras oferece aluguel de bicicletas

Sabia que dá para alugar bicicletas no Centro de Visitantes Paineiras, no Rio de Janeiro (RJ)? O local fechou uma parceria com a Cyclin Rio e por R$30 (uma hora) é possível alugar a sua. A hora adicional custa R$20 e o serviço funciona diariamente das 10h às 16h.

Além das bicicletas, o Centro de Visitantes Paineiras disponibiliza o Pit Stop Paineiras, espaço com estrutura de vestiário, chuveiros individuais e bicicletário que tem a atleta Fernanda Venturini como embaixadora.

paineiras bicicleta

(mais…)

Anúncios

#550 Bike na Porta – São Paulo, Brasil

São Paulo agora é amante dos ciclistas. A implantação de novas ciclofaixas – são mais de 120 quilômetros – incentivou e tornou mais seguro andar pela capital de bicicleta. Agora, moradores e turistas que não tiverem bicicleta e quiserem optar pelo meio de transporte podem alugar uma com o serviço Bike na Porta. A parte boa é que nem é preciso sair de onde está e eles entregam bicicletas revisadas e higienizadas em residências, condomínios, hotéis e empresas.

imagem_release_556087 (3)

O serviço leva a bicicleta até você

“Cada vez mais paulistanos e turistas estão descobrindo o prazer de pedalar na cidade”, enfatiza Júlio Schonenberg, um dos sócios do negócio. “Nosso serviço traz mais facilidade e praticidade ao esporte, pois livra o ciclista do trabalho de carregar a bicicleta no carro, pagar estacionamento, de achar espaço para guardar a bike em casa e de investir na manutenção.”

O Bike na Porta já está em atividade na região da Avenida Paulista, no Centro e na Zona Oeste de São Paulo. Atendimentos a outras localidades irão depender da viabilidade, levando em conta a quantidade de bicicletas solicitada e o número de diárias.

sao-paulo-980460_1280

O serviço está disponível na região da Avenida Paulista, Centro e na Zona Oeste da cidade

De segunda a quinta, a diária das bicicletas sai por R$ 30,00. Às sextas, sábados, domingos e feriados o valor é de R$ 50,00. E durante o período de férias, o serviço está com promoção especial: 3 diárias de bicicleta no final de semana saem por R$ 120,00. Pedidos podem ser feitos por telefone, e-mail e WhatsApp.

“Em uma cidade como São Paulo, cada vez consciente dos benefícios à saúde e mobilidade proporcionados pela bicicleta, nossa meta até o final de 2016 é multiplicar por dez o volume de atendimento atual”, destaca Sznajder.

Para mais informações, acesse o site www.bikenaporta.com.br

Onde: Bike na Porta, São Paulo, Brasil

Quanto: De segunda a quinta, a diária das bicicletas sai por R$ 30,00. Às sextas, sábados, domingos e feriados o valor é de R$ 50,00

#55 Hostel Hostelle – Amsterdam, Países Baixos

Nem toda mulher se sente confortável dormindo em um quarto compartilhado misto, principalmente se estiver viajando sozinha. Mas em Amsterdam isso não é um problema: é só ficar hospedada no Hostelle, um hostel destinado apenas às mulheres.

O Hostelle ocupa um andar de um prédio comercial e é bem decorado em todos os cômodos, muito mais do que os hostels tradicionais. Um dos destaques é o fofo banheiro da Hello Kitty, que fica ao lado da recepção. A cozinha vermelha também tem seu charme e oferece os equipamentos básicos para cozinhar.

Banheiro com decoração da Hello Kity

Banheiro com decoração da Hello Kitty

O local possui quartos privativos para até duas pessoas e um deles tem decoração inspirada em Maria Antonieta. Há um lustre dourado, tecidos franceses e a cama é antiga. O banheiro segue a mesma linha com sua banheira vintage e um lustre, perfeito para quem quer tomar banho gritando “eu sou rica”. O outro quarto individual tem inspiração na China. A pintura é preta e vermelha, os abajures, o guarda-roupa e as pinturas são chineses.

Camas do quarto "Maria Antonieta"

Camas do quarto “Maria Antonieta”

Além dos quartos privativos há dormitórios com quatro, seis e oito camas, cada um com uma decoração diferente. O quarto “Home is where the heart is”, por exemplo, tem oito camas, é todo branco, tem um sofazinho, beliches bem confortáveis, secador de cabelos e um armário individual para cada hóspede, mas que comporta apenas uma mala pequena. Se estiver com bastante bagagem vale a pena entrar em contato com o hostel e verificar se há outros meios para guarda-las. O banheiro é compartilhado e fica fora do quarto.

Parte do quarto "Home is where the heart is": a decoração é toda em branco

Parte do quarto “Home is where the heart is”: a decoração é toda em branco

No lobby há mesas para refeições, sofás e um computador para uso comum. Um diferencial é o armário com roupas que podem ser compradas ou trocadas pelas hóspedes. Outra coisa legal é o aluguel de bicicletas. Por 7,50 euros é possível alugar uma magrela por 24 horas e entrar no clima de Amsterdam.

O hostel aluga bicicletas para as hóspedes

O hostel aluga bicicletas para as hóspedes

Apesar de não estar no centro, o hostel fica bem perto de uma estação grande de trem e metrô (a Bijlmer ArenA, que está a 5 minutos andando), facilitando o deslocamento pela cidade. De lá leva cerca de 20 minutos para chegar ao aeroporto Schiphol com o trem. A Bijlmer ArenA é o estádio do time de futebol Ajax e um dos pontos turísticos de Amsterdam.

A cozinha também é bonitinha

A cozinha também é bonitinha

Foi legal estar num hostel só com mulheres, o ambiente era tranquilo e todas pareciam estar de boa lá. Para quem está se perguntando se deveria ficar no clube da Luluzinha, posso dizer que vale a pena. Além de transmitir segurança, especialmente para quem está viajando sozinha, como era o caso de muitas hóspedes, ainda tem o plus de uma decoração bonita e um lugar limpinho.

As hóspedes podem comprar ou trocar roupas no hostel

As hóspedes podem comprar ou trocar roupas no hostel

Apesar de ser um ambiente “homens free”, as hospedes podem receber visitas de nossos semelhantes do sexo oposto, mas apenas nas áreas comuns. Os quartos estão totalmente fora dos limites. As tarifas dos quartos variam de acordo com a data e dia da semana, mas estão na média de 17 euros (cama em dormitório com oito lugares) e 66 euros em quarto privativo. Reservas e consultas podem ser feitas pelo site www.hostelle.com. O hostel não oferece café da manhã.

Onde: Hostel Hostelle, Amsterdam, Países Baixos
Quanto: Os preços variam de acordo com a data e o dia da semana. Para consulta-los acesse o site www.hostelle.com