Alemanha

#307 Conheça oito hotéis temáticos ao redor do mundo

Já pensou em se hospedar em um guindaste na Europa? Ou em uma “nave espacial” aqui mesmo no Brasil? O buscador de passagens aéreas momondo criou uma lista com oito hotéis temáticos ao redor do mundo bem curiosos. Dá uma olhada!

Pousada Espaço Naves Lunazen (Chapada dos Veadeiros, Goiás)

Já pensou em ficar hospedado em uma nave espacial? Pode parecer impossível, mas uma pousada em Alto Paraíso, na Chapada dos Veadeiros, oferece essa experiência. Na mesma latitude de Machu Picchu, o espaço conta com construções arredondadas feitas com ferro e cimento bastante similares a espaçonaves. Para manter o ar lúdico, seus quartos são batizados com nomes sugestivos como Nave Mãe, Galáctica e Área 51. O lugar oferece design e arquitetura bastante interessantes, enquanto transmite paz, sossego e muita tranquilidade.

Pousada Espaço Naves Lunazen

Pousada Espaço Naves Lunazen

(mais…)

Anúncios

#900 Conheça os mercados de Natal de Stuttgart – Stuttgart, Alemanha

É tradição na Alemanha promover mercados natalinos. Ao todo, são mais de 150 ao redor do país. Vamos combinar, não tem nada mais legal do que caminhar pelas ruas iluminadas e cheias de neve e visitar as barriquinhas que vendem artesanato, vinho quente, pão caseiro de gengibre, entre outros.

Entre 23 de novembro e 23 de dezembro, a área metropolitana de Stuttgart ganha cerca de 290 barracas que repetem, anualmente, uma tradição que perdura há mais de 300 anos pelas calçadas de Schiller Square, Königsbau e da Igreja Colegiada.

Anjos, personagens da Natividade, presépio e receitas típicas da região caracterizam a festa, que tem no pão de frutas (com massa doce e escura) uma genuína iguaria local. Aberto das 10h às 21h, conta com concertos diários de músicas que remetem à festa. Mais informações estão disponíveis no site: www.stuttgarter-weihnachtsmarkt.de.

Esslinger Alemanha Stuttgart

Esslinger

(mais…)

#566 Pop-up store da Magnum em Nova York – Nova York, Estados Unidos

Nova York vai ganhar uma pop-up store dos sorvetes Magnum. De 23 de abril a 7 de agosto, quem estiver passeando na cidade pode visitar a loja e criar o seu próprio sorvete.

Eu fui a uma pop-up store da marca em Milão, na Itália, e achei bem divertido. Você escolhe a base do sorvete (baunilha ou chocolate), uma cobertura (chocolate amargo, chocolate ao leite ou chocolate branco belga) e depois os toppings para colocar por cima de tudo. São 20 opções que incluem pétalas de rosas, flocos de coco, amêndoas e Goji Berry.

IMG_20150612_155426_490

Sorvete Magnum “customizado”

A loja está no bairro do Soho, na 134 Prince Street. O local abre todos os dias e o horário de funcionamento é do meio dia às 21h.

Paris, Berlim e Madri também ganharão lojas da marca nesta temporada.

Onde: Pop-up store da Magnum em Nova York, Nova York, Estados Unidos

Quando: De 23 de abril a 7 de agosto

#444 Companhia área espanhola vende passagens a 7 euros

A companhia low cost espanhola Volotea está fazendo uma super promoção para comemorar seu 5º aniversário. Ao longo destes anos, a empresa transportou 7 milhões de passageiros e até o dia 8 de abril está vendendo passagens por apenas 7 euros.

Eu nunca voei com esta companhia, mas, por este preço, com certeza voaria! Nas minhas buscas encontrei passagens de Bordeaux, na França, para Málaga, na Espanha, por 7 euros, voando no final de maio. O trecho contrário tem várias datas em meses diversos, mas não dá para combinar com a ida em promoção 😦

bordeaux-889637_1920

Bordeaux, na França

Quem estiver na Itália pode ir de Bari até Veneza por 7 euros em maio. Não encontrei uma combinação ida e volta por este preço, mas dá para pagar 37 euros pelo trecho contrário, o que vale a pena, pois a passagem de trem custa a partir de 41 euros (isso com preço de hoje para viajar em maio) e a viagem é bem longa, são nove horas e é necessário trocar de trem em Bolonha. Há um trem veloz que faz este trajeto, mas custa um pouco mais caro e a viagem, mesmo assim, dura sete horas e meia.

IMG_0297

Veneza, na Itália

De Mykonos, na Grécia, até Munique, na Alemanha, há passagens por 7 euros no mês de junho. Mas encontrei apenas três datas! A parte ruim é que os preços para a volta não estão baratinhos.

Há outros destinos em promoção, é só procurar no site www.volotea.com.

Onde: Companhia área espanhola vende passagens a 7 euros

Quanto: Passagens a partir de 7 euros. Reservas devem ser feitas no site www.volotea.com

Quando: Promoção é válida até 8 de abril

#291 O que fazer em Gramado – Rio Grande do Sul, Brasil

Localizada nas Serra Gaúcha, a 100 quilômetros da capital Porto Alegre, Gramado é famosa por ser um destino de inverno. Suas construções seguem a linha de cidades de montanha da Europa, com muitas casas de madeira e arquitetura alemã e italiana.

10401904_581769055299360_2249840538400983205_n

A arquitetura da cidade segue esta linha (Crédito: Reprodução/Portal Gramado)

Eu achei Gramado uma cidade bem “engordativa”. Há várias fábricas de chocolate (dá para visitá-las, aliás) e muitos restaurantes oferecem a chamada “sequência de fondue”. Ela começa com fondue de queijo, para ser comido com pães. Depois, é a vez da carne. A sobremesa é por conta do de chocolate, que é degustado com frutas. Quem não tem limites como eu sairá rolando com toda a certeza. Depois desse jantar, nem conseguir ir beber depois.

A cidade também é terra do café colonial, um super café da manhã com bolos, pães, frios e muitas outras coisas. Alguns restaurantes servem cerca de 80 itens. Mas, após passar pela sequência de fondue, não consegui experimentá-lo por temer morrer de indigestão!

cafe-colonial-bela-vista-gramado-03

Café colonial do Bela Vista Café Colonial (Crédito: Reprodução)

Um atrativo bastante procurado é o Lago Negro, que ganhou este nome por ser rodeado por árvores da Floresta Negra, na Alemanha. A paisagem é bonita e lá dá para fazer um passeio de pedalinho em formato de cisne. E os adultos podem participar!

216774_1992890380167_2355304_n

Pedalinho no Lago Negro

O destino também reúne alguns museus. O Dreamland Museu de Cera exibe esculturas de personalidades conhecidas, como Barack Obama e a cantora Amy Winehouse. O local também investe em ambientes como bar anos 1950 e caverna Indiana Jones. Os ingressos podem ser comprados online .

avatar

Uma das estátuas do Dreamland (Crédito: Reprodução/Dreamland)

Os amantes de carros antigos podem visitar o Museu do Automóvel – Hollywood Dream Cars. O local exalta o glamour do cinema da década de 1950 e exibe máquinas como Cadillacs rabo-de-peixe, motocicletas e um modelo do Ford Victoria conversível de 1956.

Blhkdzz37wWjpM7BwPsiDIjYMSpyVCbEIbxMnjFo

Um dos carros em exposição no Museu do Automóvel – Hollywood Dream Cars (Crédito: Reprodução/Hollywood Dream Cars)

Uma forma de economizar é comprando um passaporte que dá direito a visitar o Museu do Automóvel, o Museu de Cera, o Harley Motor Show, o Salão Super Carros e o Parque Vale dos Dinossauros.

Para entrar no clima de inverno, visite o Snowland. O parque fechado tem 16 mil metros quadrados e conserva a temperatura de -3º durante o ano inteiro. Dá para esquiar, praticar snowboard, patinar no gelo. Para as crianças há outras atrações, como a Oficina do Tio Urso. Os ingressos podem ser adquiridos no site www.snowland.com.br.

936613_933864063358333_8843063609427629212_n

Oficina do Tio Urso, no Snowland (Crédito: Reprodução/Snowland)

Todos os anos, a prefeitura da cidade promove o Natal Luz. O evento costuma começar em outubro e tem vila de Natal, concertos, exposições e paradas. Ainda não divulgaram a data de início deste ano, mas vale acompanhar no site www.natalluzdegramado.com.br.

Também vale uma visita à cidade de Canela, que fica a oito quilômetros, e é muito bonita. A igreja e a cachoeira do Caracol são algumas das atrações do local.

216008_1723082552301_6425517_n

Igreja em Canela

Gramado não tem aeroporto. O mais próximo é o Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre. De lá, é possível pegar um ônibus da empresa Citral na rodoviária (a passagem custa a partir de R$29,80) e a viagem dura em torno de 2h30. Outra opção é alugar um carro e aproveitar as belas paisagens da estrada.

Onde: O que fazer em Gramado, Rio Grande do Sul, Brasil

#421 Motel One Wien Hauptbahnhof – Viena, Áustria

A rede Motel One foi inaugurada na Alemanha e oferece hotéis design econômicos. No total são 53 empreendimentos na Áustria, Bélgica, Países Baixos, Reino Unido, República Checa, além da própria Alemanha.

Na Áustria a rede possui dois hotéis em Salzburg e quatro em Viena. Na capital, conheci o Motel One Wien Hauptbahnhof e achei que oferece um bom custo benefício.

fachada

Fachada do Motel One Wien Hauptbahnhof

Por ser um hotel econômico design, é mais moderno do que o Formule 1, por exemplo (que atualmente é conhecido do Brasil como ibis budget), e também tem alguns serviços que não costumam ser oferecidos em hotéis desta categoria, como restaurante e bar.

café

Área do restaurante

O quarto duplo não era grande, mas era confortável. Tem cama com bons lençóis, uma mesinha, poltrona, televisão, internet grátis e banheiro. Não possui frigobar e eles oferecem apenas xampu e sabonete como amenites.

quarto

Um dos quartos do Motel One Wien Hauptbahnhof

O hotel oferece café da manhã, que é cobrado a parte e custa 9,50 euros por pessoa. Eu acabei não comendo no hotel, então não posso avaliá-lo 😦

café 3

Café da manhã

A localização desta unidade é muito boa, bem em frente à estação de trem Hauptbahnhof. De lá são apenas três paradas para chegar ao centro na praça Stephansplatz, onde está localizada a catedral Stephansdom.

quarto 2

Olha a estação ali no fundo

A estação de trem Hauptbahnhof fica dentro de uma espécie de shopping, que tem restaurantes, lojas e supermercado.

As diárias custam a partir de 71 euros, mas podem variar de acordo com a época do ano. Eu me hospedei no Réveillon e paguei 150 euros por noite. Há estacionamento e custa 13 euros por 24 horas. Avise já no check-in que está com carro na garagem, pois eles dão um ticket diferente que permite entrar e sair quando quiser.

Para mais informações acesse o site www.motel-one.com.

Onde: Motel One Wien Hauptbahnhof, Viena, Áustria

Quanto: Diárias custam a partir de 71 euros

#139 Especial Expo 2015: Pavilhão Alemanha – Milão, Itália

O pavilhão da Alemanha é, em minha opinião, um dos mais divertidos e interativos. Para quem for visitar a Expo com crianças esta é uma parada obrigatória. E por ser tão legal é de se esperar longas filas para entrar.

Com o tema “Fields of Ideas” (campos de ideias, na tradução do inglês), o pavilhão demorou 267 dias para ser construído, possui 2680m2 de área, 12m de altura e 109 estações temáticas.

A visita é organizada em grupos e todos nós recebemos algo que parece um pedaço de papelão dobrado, mas antes devemos escolher uma das línguas disponíveis (não tem opção em português). A escolha é meio estranha, pois não há nada escrito no papelão. Depois, entramos e ficamos aguardando em uma sala com uma série de telas grandes na parte de cima. Em cada uma delas começa a aparecer imagens de pessoas diferentes fazendo alguma atividade relacionada com a nutrição. Em seguida, uma tela começa a interagir com as outras, quando, por exemplo, um dos personagens joga uma maçã a outro e este a outro, até alguém comê-la.

Modernidade no pavilhão alemão

Modernidade no pavilhão alemão

Terminado vídeo – que era bem interessante, aliás – descobrimos para que serve o pedaço de papelão. Na verdade ele é uma espécie de tablet e quando colocado em cima de determinados terminais do pavilhão podemos assistir vídeos e jogar com ele. É bem legal, tanto para adultos quanto para crianças. A parte ruim é ter que esperar sua vez, pois cada terminal só pode acomodar quatro “tablets” de uma vez.

Os papelões se transformavam em tablets

Os papelões se transformavam em tablets

O pavilhão é todo interativo e vale a pena ser visitado com calma, explorando todos os seus recursos. Há uma parede cheia de caixas de leite, latinhas, entre outros, todas brancas e sem rótulo. Uma tela presa a um suporte pode ser deslizada em frente a estas embalagens e mostra informações sobre os alimentos. Apesar de entramos em grupos, lá dentro estamos livres para aproveitar a visita como acharmos melhor.

O pavilhão é bastante interativo

O pavilhão é bastante interativo

Na parte de cima há uma cozinha interativa e toda colorida, onde podemos aprender sobre alimentos e nutrição. Também há uma série de plantinhas e folhetos para serem levados para casa com dicas para montar sua própria horta.

Hortinhas <3

Hortinhas ❤

Por último, entramos em uma sala para assistirmos o show de dois artistas. Na companhia de uma guitarra, eles nos convidam a fazer sons com nosso papelão: som de chuva, de tambor e muito mais. É bem legal e os sons realmente ficam parecidos. Eu gostei do showzinho, mas achei muito comprido. Eu vi que algumas pessoas tentaram fugir, mas as portas estavam fechadas e era necessário esperar até o final.

Terminado o show, saímos do pavilhão e temos que devolver o papelão tecnológico. Um gadget muito bacana por sinal, bela sacada.

Cozinha localizada na parte superior do pavilhão

Cozinha localizada na parte superior do pavilhão

Toda criatividade colocada no pavilhão foi recompensada. Os alemães recebem em média 10 mil visitantes por dia, chegando a 20 mil em algumas ocasiões. No começo de outubro, Andrea Hayek-Letzsch, que estava acompanhada por sua família, foi a visitante número 2 milhões do pavilhão. E a Expo ainda nem chegou ao fim!

A Expo será realizada até o dia 31 de outubro e está aberta de segunda a sábado das 10h às 23h e aos domingos até a meia noite. O ingresso inteiro custa 34 euros se você escolher a data da visita ou 39 euros para ser usado qualquer dia. Também é possível comprar para dois dias consecutivos pagando 57 euros. O ingresso noturno (entrada a partir das 18h) custa 5 euros. Os ingressos podem ser comprados nas bilheterias da Expo ou online. Caso escolha comprar pelo site o pagamento só pode ser feito com cartão de crédito e é necessário imprimi-los e apresentar na entrada.

Leia nosso post completo com informações gerais da Expo 2015 aqui. E não perca os posts sobre outros pavilhões, como o do Brasil, que pode ser visto aqui.

Onde: Expo 2015, Milão, Itália
Quando: Até o dia 31 de outubro
Quanto: Os ingressos inteiros custam entre 5 euros e 39 euros. Não há custos adicionais para entrar no pavilhão. Mais informações no site www.expo2015.org/it/biglietti